Queimaduras

O procedimento

As queimaduras levam à perda da integridade da barreira cutânea, podendo até deixar sequelas funcionais e estéticas importantes dependendo da sua profundidade. O tratamento cirúrgico realizado na fase aguda da queimadura envolve enxertos ou retalhos de pele.

Dependendo da extensão, este acompanhamento inicial deve ser realizado em hospital de referência para o tratamento de grandes queimados. Na fase tardia da queimadura são necessários procedimentos mais complexos e minuciosos objetivando restaurar ou melhorar as funções e aparência. Cada tipo de sequela necessita um tratamento cirúrgico específico, envolvendo plásticas em "Z", enxertos de pele, retalhos e até mesmo o uso de expansores teciduais.

Deve-se salientar que toda a queimadura que atingir as camadas profundas da pele deixará cicatrizes. No entanto, elas podem ser de melhor aparência se tomados cuidados simples, como a proteção solar e uso de malhas elásticas compressivas.

Considerações Finais

Por favor, leia atentamente

Esclarecemos que o procedimento cirúrgico deve ser realizado segundo técnicas cirúrgicas consagradas e publicadas cientificamente. Enfatizamos que em cirurgia plástica não há promessa de resultados o que, eticamente, não deve ser feito, uma vez que a própria medicina não é uma ciência exata e dependeremos da sua reação orgânica pós-cirúrgica para o alcance de nossos objetivos.

O código de normas e condutas do Cirurgião Plástico da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica proíbe a exibição de fotos de pré e pós-operatório nos meios de comunicação, como jornal, internet e TV, mesmo que haja autorização do paciente.

Também é vedada a divulgação de preços e condições de pagamento.

Sua consulta é fundamental para completo esclarecimento, inclusive complicações inerentes a qualquer procedimento médico.

Verifique se o seu médico pertence à Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e está gabaritado a fazer a sua cirurgia.

Agende sua consulta

whats