Hoje vamos falar sobre a Embolia Pulmonar

A Embolia Pulmonar pode surgir devido a situações de imobilização por longo período prejudicando a circulação nos membros inferiores (cirurgias e viagens longas, por exemplo).

Se houver a formação de um coágulo (ou trombo) este poderá entrar na corrente sanguínea deslocando-se pelas veias profundas da perna.

Chegam em veias do abdômen até o coração e finalmente se alojar na artéria pulmonar e suas ramificações, bloqueando o fluxo de sangue aos pulmões.

Essa condição chama-se EMBOLIA PULMONAR.

Se o coágulo for grande ou houver vários coágulos, poderá ser fatal ao paciente se não diagnosticado e tratado há tempo.

Por isso, os sintomas devem ser atenciosamente verificados e comunicados ao médico. São eles: falta de ar, dor repentina , dor aguda no peito, tontura, batimentos cardíacos acelerados ou tosse seca.

Para evitar a trombose e embolia pulmonar você deverá caminhar antes e após a cirurgia, hidratar-se , usar meias de compressão e, se necessário, tomar medicamento anticoagulante.

Tenha sempre a preocupação de procurar uma equipe médica comprometida com a sua segurança. passando as informações necessárias e oferecendo todos os recursos para que sua cirurgia seja um sucesso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

whats